Day 1 – Brazil Conference 2018 discute temas como competitividade, gestão e as diferenças de negócios entre Brasil e EUA.

Na cobertura do Brazil Conference, evento organizado por alunos das universidades Harvard e MIT em Boston, O BBU acompanhou no primeiro dia de evento o encontro de grandes empresários que discutiram temas como: competitividade, gestão e tecnologia, as diferenças de negócios entre Brasil e EUA e possíveis soluções.

Um dos grandes nomes do encontro foi David Neeleman, empreendedor com uma carreira única em aviação mundial. Brasileiro de nascença, criou e lançou quatro linhas aéreas de sucesso no mundo inteiro, incluindo Jetblue e Morris Air nos Estados Unidos, Westjet no Canadá e Azul Linhas Aéreas no Brasil. Hoje é um dos controladores da TAP e CEO da Azul, companhia brasileira eleita a terceira melhor do mundo pelo TripAdvisor. Neeleman falou como as empresas brasileiras podem criar oportunidades para estarem na linha de frente da criação e uso de tecnologia, alcançando competitividade e excelência de gestão estando aptas a competirem com o primeiro mundo.

A importância e o cuidado que as empresas americanas tem com o cliente foram levantadas: ¨Eu quero conhecer todo mundo que viaja conosco, quantas viagens ele fez, se está viajando menos, se está viajando mais, se ele gosta de sentar na janela, se ele quer sentar no corredor, se tivemos problemas com uma aerononave quero entrar em contato com ele imediatamente. Talvez esse seja o nosso futuro, nos temos que fazer muito e muito mais para conhecer o nosso cliente¨, afirma Neeleman.

Outras diferenças do modelo de negócio entre Brasil e Estados Unidos foram levantadas. O Brasil têm o lado mais humano e amigável, que é importante como estratégia de negócio. No entanto, os Estados Unidos tem maior eficiência, rapidez e agilidade. “Os Brasileiros não respondem e-mail no mesmo dia.” comenta Neeleman.

Carlos Brito, CEO da AB InBev, empresa multinacional belgo-brasileira de bebidas e cervejas, falou sobre a lentidão e paternalismo do governo brasileiro, mas que o país tem uma boa classe empreendedora. Já Neeleman falou do potencial do brasileiro em desenvolver tecnologia mesmo diante de grandes dificuldades.

Deixe sua opinião aqui:

BBU - Brazilian Business USA
A BBU – Brazilian Business USA é uma plataforma voltada para incentivar o empreendedorismo criativo e ideias inovadoras conectando brasileiros empreendedores através da troca de experiências, networking, conteúdos digitais, eventos e workshops ao redor dos Estados Unidos. Email: redacao@brazilianbusinessusa.com
BBU - Brazilian Business USA on FacebookBBU - Brazilian Business USA on InstagramBBU - Brazilian Business USA on LinkedinBBU - Brazilian Business USA on Twitter